Coluna William Saliba – 10/12/2015

0
920
Fernando Hopper e Daniela circulando pelo Shopping Vale do Aço

cenibra ambiental

LAMA AFETOU TODA CADEIA PRODUTIVA DA CENIBRA

O diretor industrial e técnico da Cenibra, Róbinson Félix, alertou sobre os impactos negativos que a contaminação do Rio Doce tem causado à empresa de celulose e à comunidade de seu entorno, na audiência pública da Comissão Extraordinária das Barragens da Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG), realizada hoje (10), em Belo Horizonte, onde foram analisadas as consequências do rompimento da barragem de rejeitos da Samarco, em Mariana. O acidente, segundo ele, afetou “toda a cadeia produtiva (fornecedores, transporte, colheita, produção) e atingiu quase 30 mil pessoas, em 54 municípios, com perdas financeiras da ordem de R$ 30 milhões por mês”. Félix lembrou que o acidente levou Cenibra a decretar férias coletivas, citando que a Samarco e o Ministério Público já foram alertados sobre esse impacto socioambiental. Chamando a atenção, ainda, para a urgência garantias de que não há risco de rompimento da barragem de Germano, Róbinson Félix destacou a necessidade de uma proposta preliminar de recuperação e gestão das águas da Bacia do Rio Doce.

O diretor da Cenibra, Róbinson Félix, alerta sobre os impactos negativos da contaminação do Rio Doce
O diretor da Cenibra, Róbinson Félix, alerta sobre os impactos negativos da contaminação do Rio Doce

MEDIDAS DE PREVENÇÃO

O diretor da Cenibra, Róbison Félix, também enfatizou preocupação em relação ao comportamento dos rejeitos no leito do Rio Doce, sobretudo em decorrência do período chuvoso. Apresentou algumas sugestões para ajudar a limpar a bacia, como, por exemplo, fechar as comportas da barragem de Candonga para usá-la como uma “porteira de contenção”, fazer transposição de alguns trechos e afluentes, construir barragens, além de garantir aumento da oferta hídrica por meio de recuperação de nascentes, manejo de solo e mitigação de carreamento de resíduos. Félix ainda sugeriu a criação de um fundo de recuperação da Bacia do Rio Doce com o dinheiro proveniente das multas impostas aos responsáveis pelo desastre.

nao mais pelo Jorge Ferreira

 

 

 

 

 

 

 

 

SANTINHAS VOLTAM COM SANTA COMÉDIA

“Santinhas do Pau Oco – Uma Santa Comédia” é a atração deste sábado (12), às 20h30, no Teatro do Centro Cultural Usiminas, em Ipatinga. Há 15 anos em cartaz, a comédia já soma mais de mil apresentações e um público de quase um milhão de espectadores. A peça se passa em um convento, onde jovens freirinhas vivem sob as rígidas regras da madre superiora. O elenco conta com Marcelo Vieira, Antônio Amaro, Fábio Araújo, Luís Yuner, Marcos Pinto e o próprio diretor do espetáculo, Othon Valgas. Ingressos estão à venda no Centro Cultural a R$ 20 (inteira) R$ 10 (meia-entrada estendida a todas as categorias até 1 hora antes do espetáculo).

A comédia das Santinhas do Pau Oco já soma mais de mil apresentações e um público de quase um milhão de espectadores.
A comédia das Santinhas do Pau Oco já soma mais de mil apresentações e um público de quase um milhão de espectadores.

SAIBA COMO DOAR ‘FIOS DE AMOR’

Promovido pela Fundação São Francisco Xavier (FSFX), entidade que administra o Hospital Márcio Cunha (HMC), foi lançado na noite de ontem (09), em Ipatinga, o projeto Fios de Amor com o desfile de 15 mulheres pacientes da Unidade de Oncologia do hospital e duas pessoas doadoras de cabelos. O projeto incentiva a doação de fios de cabelo para confecção de perucas e passarão a integrar o estoque do HMC. Assim, muito em breve, as pacientes que sentirem necessidade terão o acessório à disposição, de forma gratuita e rápida, sem precisar pagar caro por isso ou aguardar a sua confecção, que demanda, em média, de 15 a 30 dias. A FSFX, tanto para o evento de lançamento quanto para o prosseguimento do projeto, conta com o apoio do Grupo Se Toque, Class Noivas, Neuza Produções, Jenaína Arêdes, Luciana Cavalier, Mário Cruz, Renato Ferreira, Vinícius Siqueira, Rodrigo Ferreira, Romário Ferreira, Vanuza Bárbara, Yamashita Faioli, Shopping dos Cabelos, Jaqueline Barros e Big Joy Salão. Quem tem cabelos longos e deseja doar, pelo menos 40 centímetros de comprimento, seja mulher ou homem, pode procurar qualquer um dos salões parceiros, onde os cabeleireiros realizarão o corte gratuitamente.

GARAJÃO RELEMBRA BLACK SABBATH 

O grupo Vol. 4, de Belo Horizonte, é a principal atração deste sábado (12), no espaço cultural Garajão, em Ipatinga. A banda, na estrada desde 2009, relembra os sucessos de Black Sabbath, grupo inglês liderado por Ozzy Osbourne que já vendeu mais de 100 milhões de discos e é considerado um dos expoentes do heavy metal. A noite ainda terá a banda Pesta, também de BH, que, além do som autoral, apresenta stoner rock e o hard rock setentista.

Fernando Hopper e Daniela circulando pelo Shopping Vale do Aço
O dentista Fernando Hooper e Daniela circulando pelo Shopping Vale do Aço

CARRO BRANCO VIRA MODA

Foi-se o tempo em que a cor branca era descartada por consumidores na hora de adquirir um carro. Por anos, as concessionárias concederam desconto – muitas ainda dão – nas chamadas cores sólidas (sendo as mais comuns o branco, o preto e o vermelho) por serem consideradas pouco atraentes ou ruins na hora da revenda. Isso mudou, de acordo com o Índice WebMotors. Em apenas 12 meses, o interesse pelos automóveis na cor branca, contabilizado pelo número de propostas enviadas aos anunciantes dos veículos por meio do site, registrou um aumento de 89,4% entre outubro de 2014 e o último mês. Para efeito de comparação, nesse mesmo período as propostas para automóveis nas cores prata, vermelho e preto cresceram, respectivamente, 48,5%, 45% e 44,5%.

reflexologia

Anuncie aqui